Maxi Verm Plus 4 Comprimidos 660 mg - PetVirtual

Dúvidas? (11) 2143-4004 | Cadastre-se

Buscar no site

Maxi Verm Plus 4 Comprimidos 660 mg

03246

Por: R$ 13,75ou X de

Especificação

Especificação TécnicaFORMULA
Cada comprimido de 660 mg contém: 
Pamoato de pirantel 144 mg
Febantel 150 mg
Praziquantel 50 mg 
Excipiente qsp 660 mg

DOSE E MODO DE USAR
Administrar via oral, misturando à ração, carne ou outro alimento, na dose de 1 comprimido para cada 10 kg de peso animal. Em animais com menos de 5 kg, administrar meio comprimido e em animais com menos de 2 kg, administrar um quarto do comprimido.

CONTRA INDICAÇÃO
Não deve ser administrado em fêmeas nas primeiras semanas de gestação. Não deve ser usado em cães com menos de 4 e 6 semanas de vida. O pirantel não é recomendado para animais gravemente debilitados, presumivelmente por que sua ação farmacológica (propriedades semelhantes à nicotina) é mais pronunciada nestes casos.

EFEITOS COLATERAIS
Reações adversas de intensidade moderada e curta duração podem ocorrer dentro de poucas horas de administração do praziquantel, incluindo distúrbios digestivos como náuseas, vômitos e cólicas. Não possui antídoto. Fazer tratamento sintomático.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS
Devido as suas propriedades colinérgicas, a administração do pirantel em conjunto com outras drogas colinérgicas, como o levamisol, pode levar à potencialização da toxicidade. O uso concomitante com dexatametasona reduz a biodisponibilidade do praziquantel. O praziquantel pode aumentar a biodisponibilidade do albendazol.
Comprar
Indicado como antiparasitário de amplo espectro de ação no combate a cestódeos e nematódeos que infestam os cães.

Especificação

Especificação TécnicaFORMULA
Cada comprimido de 660 mg contém: 
Pamoato de pirantel 144 mg
Febantel 150 mg
Praziquantel 50 mg 
Excipiente qsp 660 mg

DOSE E MODO DE USAR
Administrar via oral, misturando à ração, carne ou outro alimento, na dose de 1 comprimido para cada 10 kg de peso animal. Em animais com menos de 5 kg, administrar meio comprimido e em animais com menos de 2 kg, administrar um quarto do comprimido.

CONTRA INDICAÇÃO
Não deve ser administrado em fêmeas nas primeiras semanas de gestação. Não deve ser usado em cães com menos de 4 e 6 semanas de vida. O pirantel não é recomendado para animais gravemente debilitados, presumivelmente por que sua ação farmacológica (propriedades semelhantes à nicotina) é mais pronunciada nestes casos.

EFEITOS COLATERAIS
Reações adversas de intensidade moderada e curta duração podem ocorrer dentro de poucas horas de administração do praziquantel, incluindo distúrbios digestivos como náuseas, vômitos e cólicas. Não possui antídoto. Fazer tratamento sintomático.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS
Devido as suas propriedades colinérgicas, a administração do pirantel em conjunto com outras drogas colinérgicas, como o levamisol, pode levar à potencialização da toxicidade. O uso concomitante com dexatametasona reduz a biodisponibilidade do praziquantel. O praziquantel pode aumentar a biodisponibilidade do albendazol.

Especificação

Especificação TécnicaFORMULA
Cada comprimido de 660 mg contém: 
Pamoato de pirantel 144 mg
Febantel 150 mg
Praziquantel 50 mg 
Excipiente qsp 660 mg

DOSE E MODO DE USAR
Administrar via oral, misturando à ração, carne ou outro alimento, na dose de 1 comprimido para cada 10 kg de peso animal. Em animais com menos de 5 kg, administrar meio comprimido e em animais com menos de 2 kg, administrar um quarto do comprimido.

CONTRA INDICAÇÃO
Não deve ser administrado em fêmeas nas primeiras semanas de gestação. Não deve ser usado em cães com menos de 4 e 6 semanas de vida. O pirantel não é recomendado para animais gravemente debilitados, presumivelmente por que sua ação farmacológica (propriedades semelhantes à nicotina) é mais pronunciada nestes casos.

EFEITOS COLATERAIS
Reações adversas de intensidade moderada e curta duração podem ocorrer dentro de poucas horas de administração do praziquantel, incluindo distúrbios digestivos como náuseas, vômitos e cólicas. Não possui antídoto. Fazer tratamento sintomático.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS
Devido as suas propriedades colinérgicas, a administração do pirantel em conjunto com outras drogas colinérgicas, como o levamisol, pode levar à potencialização da toxicidade. O uso concomitante com dexatametasona reduz a biodisponibilidade do praziquantel. O praziquantel pode aumentar a biodisponibilidade do albendazol.


Pergunte e veja opiniões de quem já comprou